ato publico em 18 de fevereiro

14 ANOS DO VAZAMENTO DA PETROBRAS NA BAÍA DE GUANABARA: EMPRESA AINDA NÃO PAGOU INDENIZAÇÃO FINANCEIRA DE MILHARES DE PESCADORES ARTESANAIS IMPACTADOS.

DIA: 18 DE FEVEREIRO DE 2014, 3a. FEIRA, DE 11 ÀS 13 HS, NA SEDE DA PETROBRAS – AV. CHILE, S/No. – CENTRO, RIO DE JANEIRO.

Pescadores levarão suas redes sujas de óleo e faremos um PANELAÇO para simbolizar a grave situação de empobrecimento em que tem vivido as comunidades tradicionais da Baía de Guanabara desde o vazamento de 1,8 milhôes de litros de óleo nas águas da Baía e nas áreas de manguezais, ocorrido no dia 18 de Janeiro de 2000 no duto que liga a REDUC (refinaria duque de caxias) ao Terminal da Ilha D`Água (Ilha do Governador).

Acesse o link no Facebook:ttps://www.facebook.com/pages/Movimento-dos-Pescadores-Sem-Mar-Forum-de-Pescadores-e-Amigos-do-Mar/250105965167465h

empresas mais poluidoras: Greenpeace aponta

 

Já virou hábito. A cada ano, quando as principais lideranças empresariais e políticas do mundo se reúnem no Fórum Econômico Mundial, o Greenpeace rouba as atenções para fazer um anúncio. É o Public Eye Award, que premia as piores empresas do ano, segundo critérios ambientais. Dessa vez, quem ganhou o troféu-vergonha foram a petrolífera russa Gazprom – por votação popular – e a gigante têxtil Gap, escolhida pelo júri.
Não foi à toa. A indicação da Gap pelo Fórum Internacional de Direitos Trabalhistas deveu-se principalmente ao fato de que, mesmo após o pior acidente industrial de Bangladesh – a queda do Rana Plaza Factory, que deixou 1100 mortos e muitos feridos – a empresa se recusou a assinar um acordo pela segurança de edificações e incêndios no país. Em vez disso, continua minando as opções de compromisso com seus fornecedores para melhorar as condições de trabalho de milhares de pessoas.
Já a Gazprom teve seu nome estampado na imprensa mundial no fim do ano passado, após um protesto pacífico que o Greenpeace fez em uma de suas plataformas. Os 30 ativistas foram presos por denunciar os planos da empresa de iniciar a exploração de petróleo no Ártico.
Para investigar essas empresas e expor seus ataques ao meio ambiente, o Greenpeace conta com a colaboração de pessoas como você. Não aceitamos dinheiro de governos, empresas ou partidos políticos, o que nos dá independência para fazer essas denúncias. Junte-se a nós para que a gente possa continuar nesse caminho.

https://docs.google.com/spreadsheet/ccc?key=0AtbMK9Hks9NUdEFnX05sNTl1UXhZUk5GX09XVzlacWc&usp=gmail

https://mail.google.com/mail/u/0?ui=2&ik=c485cded32&attid=0.2&permmsgid=msg-f:1516011606568352490&th=1509f48624e03aea&view=att&disp=safe

leite do mst fica mais barato

O leite do MST vai ficar mais barato, a partir de nossa pedido. O litro vai custar rs 2,00. estamos muito preocupadas com o escoamento destes produtos, por causa de seu prazo de validade. Infelizmente neste ultimo sábado os pedidos não foram entregues, por problemas de logistica. Mas isto não vai se repetir. então solicitamos que vocês façam, neste dia de pedido de secos, um bom pedido, um ótimo pedido! Como já dissemos, esta compra não incide nos rs 500,00 do limite de compras. é uma compra a parte.Animem-se!

Possivelmente receberemos também morangos, mas ainda não está totalmente confirmado. Mas façam seus pedidos!