Novo espaço para as entregas do núcleo Grajaú

É com grande felicidade que anunciamos o início de um novo ciclo da Casa Anitcha. Em parceria com o ESPAÇO VIDA GRAJAÚ, uma escola de natação que funciona na rua Professor Valadares, 148 daquele bairro, a Casa Anitcha vai voltar aos poucos a funcionar com algumas atividades.

Com isso o núcleo Grajaú, no dia 1º de agosto, após 4 meses sem local fixo, voltou a ter um espaço para as entregas com os seus mutirões quinzenais.

Nossa Roda de Conversa sobre o preparo de comida de verdade está chegando! Espalhem!

Divulguem, divulguem, divulguem! Importante ter no debate gente ligada aos territórios, a nossos produtores, aos movimentos sociais! E, claro, nossa(o)s associada(o)s!

 

 

Movimenta Caxias: a Baixada Fluminense se organizando exemplarmente durante a pandemia

De Marinete Merss (Urca): O Movimenta Caxias organiza ação de cidadania e combate a fome em 14 municípios, sendo 8 da baixada fluminense e em 30 bairros da cidade de Duque de Caxias. Já foram entregues mais de 181 toneladas de cestas básicas, 99 toneladas de kits de limpeza e 81 toneladas de produtos orgânicos. Aproximadamente 46 mil máscaras de pano reutilizáveis, 45,9 litros de água e 7.904 tickets-cartão alimentação, além de 1.000 kits de higiene pessoal para idosos, foram distribuídos. São mais de 88 mil pessoas atingidas e 22.074 famílias atendidas.

Essa ação é possível porque mais de 80 parceiros contribuem na arrecadação, organização e distribuição das doações. Se os números da prestação de contas se destacam, a diversidade encontrada nos perfis dos parceiros é ainda mais impressionante: movimento da juventude, da luta antirracista, da luta das mulheres, da luta pela moradia, sindical, cultural,estudantil, ecológica, do campo e da cidade, da segurança alimentar, da educação popular, da saúde, da favela, dos LGBTQI+, empresas privadas e entidades religiosas juntando católicos, evangélicos e religião de matriz africana. Participam também artistas, servidores públicos e movimentos ligados à Arte.

O Movimenta Caxias atua nos territórios através das lideranças comunitárias, defende o protagonismo e age em Rede, valorizando o Coletivo e a participação social. Durante o período da Pandemia provocada pelo Covid-19, quando muitas famílias em função do isolamento social estão sem trabalho e vivem em condições de vulnerabilidade, é a ação do Movimenta Caxias que está garantindo comida e kits de higiene e segurança à população. Juntamente com o emergencial vem a luta por direito às informações, o debate sobre uma economia solidária, sobre o papel das políticas públicas.

Com a pandemia surgiu a necessidade do autocuidado, principalmente com o sistema imunológico que garante proteção ao corpo contra infecções e uma maneira de garantir essa imunidade é uma boa alimentação. Assim, o Movimenta Caxias fornece às famílias cestas com produtos orgânicos e tem como parceiros o MPA- Movimento dos Pequenos Agricultores e o Coletivo Terra, do Assentamento Terra Prometida que funciona no bairro Amapá em Duque de Caxias. Essas parcerias garantem o fortalecimento da agricultura orgânica que  que cultiva alimentos saudáveis e livres de agrotóxicos. O MPA e o Coletivo Terra são coletivos que fornecem produtos para a Rede Ecológica. O Coletivo Terra, de maio a julho forneceu 80 toneladas de produtos saudáveis, foram 10 mil e 400 cestas agroecológicas. São famílias de trabalhadores assentados que agradecem a parceria com o Movimenta Caxias e resumem o sentimento neste momento: “Gratidão a cada voluntário e liderança comunitária que fez com que o Movimenta Caxias, conseguisse movimentar a periferia da cidade e do campo, fazendo chegar esperança, alimento saudável, poesia e reconhecimento aos territórios.

https://www.facebook.com/MovimentaCaxias/